728 x 90
Tempo de Leitura: < 1 minuto

Ou dá ou desce ou A imperceptível felicidade nula

Ou dá ou desce ou A imperceptível felicidade nula

Sem nenhuma paciência e sem tempo a perder, Percebo a felicidade sempre perseguida, Mas pouco sentida e identificada. Eu queria apenas sentir uma brisa de felicidade. Ou que pelo menos tivesse um mapa. E que também soubesse emudecer sem me retalhar, Apaziguar sem me contorcer e finalmente achar aquilo que chamam de meio-termo. Por várias

Tempo de Leitura: < 1 minuto

Sem nenhuma paciência e sem tempo a perder,

Percebo a felicidade sempre perseguida,

Mas pouco sentida e identificada.

Eu queria apenas sentir uma brisa de felicidade.

Ou que pelo menos tivesse um mapa.

E que também soubesse emudecer sem me retalhar,

Apaziguar sem me contorcer e finalmente achar aquilo que chamam de meio-termo.

Por várias vezes procurei compreender os pormenores

E me angustiei por me revelar.

Por várias vezes pensei ser o timoneiro,

Quando de fato era apenas o papagaio no ombro do pirata.

Atormentei minhas carótidas

Com erupções de ira frequentes e

Arrependimentos que duram a eternidade

E também por seguidamente acertar o mindinho na quina da mesa.

Por várias vezes tentei tampar minha boca,

Mesmo quando minha língua insistia em pular a grade.

Me culpei apenas por pensar que nada me faria mudar

E me calei ao perceber que estava sempre atrasado.

Sendo que ali, abandonado, eu já não era mais o mesmo

E que jamais o seria mesmo que conseguisse me identificar.

Tatuei minhas tormentas na memória,

Como se não pudesse deixá-las ir.

Me mantive no bote salva-vidas:

Sem esboçar ajuda alguma no remo, me mantive inerte.

Para logo em seguida enxotar quem se aproximava,

E daí me dei conta que sempre afundei abraçado aos resmungos que cismam em escapulir da boca.

Assim, de uma maneira ou de outra teria que apaziguar as rugas do espelho e

Perceber cores ao meu redor que eram as mesmas que ignorei.

Que mesmo estampadas na cara poderia transformar isso em tudo em ópio

Ou em um placebo descido goela abaixo.


Nos siga também no Facebook e no Instagram!

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Sugestões de Leitura

Vale a Leitura!

Descomplica pós