desinteresse

A moral do desinteresse por Clóvis de Barro Filho

O discurso do desinteresse, da moral higienizada de desejos, é uma perversão. Tudo o que fazemos é interessado   Quando empresas e seus relações públicas se apresentam, o discurso ético aparece. Argumentos morais, objetivadores de uma identidade, surgem em ordem crescente de valores e – no caso dos profissionais hipócritas e alienados do mercado –…