O horizonte, relógio e a pressa

O horizonte, relógio e a pressa

O horizonte e o relógio me mostram que estou sempre longe e sempre atrasado, Todo dia e em todo lugar.   Sim, eu tenho pressa. Meu tempo urge e depois dos 40 ele parece se mover mais rápido que o habitual e parece fazer questão de enfatizar que estou na segunda metade do meu tempo aqui….

E me percebo fingindo ser adulto

E me percebo fingindo ser adulto

Como definir esta passagem?  Quando você se percebeu adulto?   Afinal o que é ser adulto? É repetir exaustivamente que “na minha época era tudo melhor”? Seria viver exclusivamente desse saudosismo vazio e frio? Passei a ser adulto quando passei a calar meus sonhos até virarem tolices infantis? Ou quando soltei a criança que havia…

Algum dia poderei ser eu mesmo

Algum dia poderei ser eu mesmo?

Algum dia poderei ser eu mesmo? E exibir em textos absolutamente aquilo que sair? Sem me preocupar com o julgamento de outros?   Algumas vezes fui abordado com estas perguntas abaixo (e muitas outras tipo “Mas isso dá dinheiro?“), em outras vezes me foi tentado desanimar visto que há muita competitividade (como em qualquer ramo)….