728 x 90
Tempo de Leitura: 2 minutos

Listinha sobre COVID

Listinha sobre COVID

Eu sei. Todos sempre parecem ter a medida exata para cada problema.  Todos parecem conhecer o caminho certo para dar fim a um caminho sinuoso.   Mas, como estamos em um ano atípico, lutarei contra toda minha natureza anticoach e deixarei aqui uma lista de prática sobre o que fazer ou não vom relação ao

Tempo de Leitura: 2 minutos

Eu sei.

Todos sempre parecem ter a medida exata para cada problema. 

Todos parecem conhecer o caminho certo para dar fim a um caminho sinuoso.

 

Mas, como estamos em um ano atípico, lutarei contra toda minha natureza anticoach e deixarei aqui uma lista de prática sobre o que fazer ou não vom relação ao covid nesse fim dezembro funesto.
Talvez essa lista sirva (e muito) para o vindouro 2021, que não se resolverá por magia quando passar da meia noite.

Mas espero que esse texto se torne inútil o quanto antes.
Mas…
Vamos à lista?

1- Use máscara. A pandemia de COVID é uma realidade violenta. E ninguém é obrigado a respirar seus perdigotos, ou ver sua cara feia.

2- Lave as mãos. Eu sei que pode parecer uma missão impossível, mas acredite: manter a higiene básica pode ser fácil para você, cidadão de classe média.

3- Faça distanciamento social. Além de evitar COVID, você evita ser inconveniente. Além disso, tomar uma apunhalada é mais difícil de longe.

4- Ivermectina é para vermes. Além dos muitos estudos a respeito disso, pode notar que o presidente não defendeu o uso do remédio.

5- Cloroquina é um medicamento fortíssimo para Lupus. A menos que você queira ter uma parada cardíaca ou um problema neurológico, cloroquina não te ajuda em nada. (Lembre do House: IT ISN’T LUPUS)

6- Você não necessita ir para um barzinho ou para uma boate. Posso garantir que ficar em casa não te levará a óbito.
Sair sem motivo, por outro lado, não soa tão inteligente.

7- Sempre que alguém tentar apertar sua mão, imagine a pessoa manipulando os próprios genitais ou catucando o nariz. Você vai aprender a dar “tchauzinho” de longe bem rápido. Talvez estrague alguns relacionamentos, mas estamos priorizando saúde aqui.

8- Tire um tempo para ler os livros que nunca leu. E se você é partidário da cloroquinha, ivermectina e tem medo de vacina, essa recomendação tem peso dois pra ti.

9- Escolha alguém menos favorecido e ajude. Com a crise, muitas pessoas perderam empregos, moradias, famílias… Talvez seja bom receber um carinho o Natal: Doe uma cesta básica, uma roupa, um brinquedo, o que puder.

10- Dedique-se a conhecer sua família. Você teve um ano inteiro para fazer isso, mas não fez? Ora, talvez você tenha um ano extra para isso. Não saberemos como será 2021. Esteja perto de quem você ama.

11- Não acredite em quem segue instruções guiadas por política. A maior parte das pessoas que crê em medicamentos mágicos, o faz por influência do Bolsonaro. Curiosamente, o presidente nem tem 3o grau, não é cientista, e não pode explicar nada do que acontece dentro da própria família. Quem dirá explicar como um medicamento tão maravilhoso como a cloroquina não impede que tantas pessoas morram todos os dias no mundo.

12- Ninguém está lucrando com essa crise. Então não acredite nas mensagens absurdas que você recebe no Zap, sobre hospitais que recebem 18 mil reais por paciente morto por Covid.
Informe-se. Essa conta nem tem fundamento.

13- Pare de acreditar no que os seus tios velhos delirantes repassam o whatsapp. Notícias erradas e informações mal dadas são criminosas.

14- Nunca repasse nada sem acuracidade científica.

15- Não esqueça de repassar essa lista.


Nos siga também no Facebook e no Instagram!

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Sugestões de Leitura

Vale a Leitura!

Descomplica pós