Montaigne tem um conselho para quem trabalha demais por Tiago Cordeiro

Montaigne tem um conselho para quem trabalha demais por Tiago Cordeiro

Michel de Montaigne (1533-1592) era um admirador de Sócrates, e não apenas por motivos intelectuais   “Não há nada mais notável em Sócrates do que ele ter encontrado tempo para aprender a dançar”, dizia. O filósofo francês não admitiria o ritmo de vida de um profissional do século 21, multitarefa e sem tempo para nada. “Quando eu danço, eu danço; quando eu durmo,…

O que você está fazendo da sua vida Por Jhons Cassimiro

O que você está fazendo da sua vida? Por Jhons Cassimiro

Mas o homem para onde irá? Percebe-se nele constantemente algo de inábil toda vez que atinge tais objetivos. Ele ama o ato de alcançar, mas alcançar de fato, nem sempre (Fiódor Dostoiéviski)   Por tantas vezes durante nossa existência fazemos esta e outras perguntas do gênero para nós mesmos em busca de respostas que não…

Solidão a dois O Que Significa Por Bruno Inácio

Solidão a dois: O Que Significa? Por Bruno Inácio

Com sorrisos cada vez mais raros e sem poder de contagiar; com impaciência ao invés de brincadeiras e um torturante silêncio onde deveriam existir palavras e palavras, cada vez mais pessoas vivenciam a solidão a dois, termo que ouvi pela primeira vez na voz de Cazuza, em “Eu queria ter uma bomba”, música do Barão…

Vivemos um tempo de secreta angústia o amor é mais falado que vivido por Luciana Chardelli

Vivemos um tempo de secreta angústia: o amor é mais falado que vivido por Luciana Chardelli

O sociólogo polonês Zygmunt Bauman declara que vivemos em um tempo que escorre pelas mãos, um tempo líquido em que nada é para persistir.   Não há nada tão intenso que consiga permanecer e se tornar verdadeiramente necessário. Tudo é transitório. Não há a observação pausada daquilo que experimentamos, é preciso fotografar, filmar, comentar, curtir,…

123